Logo CineDica - Dica de Filmes
filmes Filmes assistir Séries assistir Netflix tv TV cinema Cinema artista Artistas lista Listas critico Amigos  Premium

Seu Nome
cargo: logar
logar Críticos logar Seguidoreslogar





Filtros

Listas CineDica
Listas Top100 +
Listas Top10 +
Listas de Gêneros +

LISTA | Incorporações Perfeitas De Personagens Reais

Ordenar por:


Lista criada há 10 anos

Moderada por

Último título adicionado há 9 anos

Quantidade de filmes 11


Confira a seguir a seleção de melhores filmes Incorporações Perfeitas De Personagens Reais
The Doors é facilmente um dos melhores filmes do gênero do rock n roll dos anos 60. Algumas das cenas do filme são recriações quase exatas de acontecimentos reais. Val Kilmer tem um desempenho poderoso em que ele parece estar com a energia de Jim Morrison, na viagem alucinatória do cineasta Oliver Stone, nessa biografia do grupo. Conta mais da vida irregular do líder da banda, Jim Morrison, começando com uma memória de infância, a origem do The Doors e a fama. Mas Morrison, mergulha profundamente em uma névoa induzida por drogas e tendo encontros sexuais místicos, perdendo as sessões de gravações e os shows. Além disso, Morrison também foi um dos poetas mais talentosos da história, escrevendo algumas das melhores letras de musicas. The Doors é um filme que satisfaz ao contar a história de um homem demente e fascinante, cuja história é tão envolvente e ao mesmo tempo tão triste e equivocada. Foram tantas coisas erradas com este musico e este filme consegue mostrar. Uma obra magistral.
2- Ray  
Esta é uma história envolvente, o realismo está nas nuances - a inclinação da cabeça de um personagem depois de um momento dramático ou o olhar em seus olhos enquanto cantam. Jaime Foxx (Ray Charles), do qual muito se tem dito, lidera um elenco de re-criadores não só de tempo, mas uma Era. Este é um filme sobre Ray Charles, mas que não é limitado a história de sua vida. Este filme inspira a ser uma pessoa melhor. Na vida o preconceito vai nos levar a prejudicar uma pessoa errada. A música, também, é incrível - ele realmente mostra a amplitude da música Charles, do país para blues, e tudo mais. O filme também dá conta da vida ilibada Ray Charles, a partir das muitas mulheres e das relações com as drogas, seu vício e as consequências disso. Ray Charles é um sucesso porque você pode dizer que todos os envolvidos com ele tiveram um grande amor por Ray e sua música. A história de sua vida é incrível, de grande talento, habilidade e amor.
Anton Corbin criou um filme que mostra perfeitamente a música do Joy Division e a vida curta mas frutífera, do seu vocalista Ian Curtis. Um banda pós-punk de palco escuro, guitarras pulsantes e letras carregadas. A escolha para filme em preto e branco foi perfeita, dá o tom perfeito para a cidade de Manchester, cinza e sem vida em 1973. Assista a luta campal da ascensão e queda trágica de Ian, torturado pela epilepsia, genialidade, depressão e pensamentos suicidas.. Baseado na autobiografia de sua esposa Deborah Curtis, "Touching From A Distance". A intensidade das performances de música ao vivo dos atores são como os da banda real, com atuações memoráveis. Sam Riley tem um desempenho ótimo como Curtis. Há alguns usos muito inteligentes e tocantes da música no filme. Corbin usa a intensidade das letras de Curtis para ajudar a pintar um retrato biográfico do homem. O uso de "amor vai nos separar” no filme foi particularmente inspirado, um filme poderoso e comovente.
Um divertido filme completamente envolvente, biográfico sobre a vida do lendário cantor country Johnny Cash, sobre o início e seu namoro duradouro de June Carter. Um trabalho de amor e esforços, estava em produção a cerca de dez anos antes de ter sido filmado. Foi feito por pessoas que procuraram contar uma história exata, sem nunca perder o respeito por sua disciplina. O diretor James Mangold fez sequências musicais são fantásticas. Quando Joaquin Phoenix se transforma em o centro das atenções - levanta o filme, acima de qualquer musical anterior. Um atributo imensurável a estas sequências é que Phoenix e Reese Witherspoon (como June Carter) cantam e tocam os instrumentos. Ambos são impressionantes. Mas como um filme biográfico, é um retrato apropriado do cantor. Cash tornou-se astro, chegando a fazer parcerias com Elvis Presley, Jerry Lee Lewis e Carl Perkins. Em 2002 vários astros fizeram um tributo, incluindo Bob Dylan,Chris Isaak, Wyclef Jean, Norah Jones, Willie Nelson e U2.
Os últimos momentos da vida de Adolf Hitler, o ditador nazista que matou seis milhões de judeus em campos de concentração e acabou suicidando-se em seu bunker em Berlim.

Já Assisti: 0% | Bom Filme: 0% | Filme Ruim: 0% | Quero Ver: 0% | Não Quero Ver: 0%
Conhece algum filme incorporações perfeitas de personagens reais que não está presente na lista? Não perca tempo e adicione-o agora mesmo na lista de filmes incorporações perfeitas de personagens reais do CineDica.

contato |  cadastro
© Copyright 2008 CineDica - Todos os direitos reservados